UOL Notícias Notícias
 
11/06/2010 - 18h10 / Atualizada 11/06/2010 - 19h07

Professores de universidade na Bahia anunciam greve

Salvador - Os professores da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) iniciaram hoje greve por tempo indeterminado. A principal reivindicação da associação de docentes da instituição (Aduneb) é a incorporação da gratificação por condição especial de trabalho (CET) aos salários - o que, segundo os professores, representaria um aumento de até 18% na remuneração. Os docentes reclamam ter o segundo pior nível salarial entre os Estados nordestinos, à frente apenas do Maranhão.

De acordo com o governo da Bahia, existe um acordo com a categoria, válido até o fim do mês, e não é possível abrir uma mesa de negociação em julho, por causa do período eleitoral - que segue até novembro. Os professores, por outro lado, alegam que a pauta foi entregue no fim do ano passado e deveria ter sido apreciada antes do recesso eleitoral.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host