UOL Notícias Notícias
 
15/06/2010 - 10h30 / Atualizada 15/06/2010 - 10h39

Bovespa abre em alta em dia de baixa liquidez

São Paulo - A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), que ontem fechou em baixa de 0,11%, abriu o dia em alta, em sintonia com os mercados dos Estados Unidos e da Europa. No entanto, com o jogo de estreia da seleção brasileira na Copa do Mundo, às 15h30, os negócios devem rarear no período da tarde. Isso tende a afetar a rolagem do vencimento dos contratos futuros do índice Bovespa (Ibovespa) amanhã. Às 10h28 (horário de Brasília), o Ibovespa registrava alta de 0,46%, para 63.823 pontos.

Devido ao feriado na China, os volumes negociados no mercado de metais também são baixos. A expectativa é de que o mercado de metais seja guiado pelas bolsas norte-americanas, que serão pautadas pelos indicadores econômicos previstos para hoje. O petróleo se mantém acima de US$ 75 o barril, em alta de quase 1% na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex, na sigla em inglês). No entanto, isso não é mais uma garantia de alta para os papéis da Petrobras, que ganharam vida própria com o processo de capitalização da estatal. Ontem, as ações ordinárias da Petrobras caíram 2,55% e as preferenciais recuaram 1,92%, a despeito da alta do petróleo.

O problema da Petrobras, dizem os analistas, é a indefinição em relação ao preço de cessão onerosa dos barris de petróleo e da oferta pública de ações. Por causa do jogo do Brasil, o adiamento de hoje para a próxima semana da votação final, na Câmara, do projeto de lei que trata do modelo de partilha para exploração do pré-sal e cria o Fundo Social contribui para aumentar o grau de insegurança quanto ao cumprimentos dos prazos previstos.

O mercado no Brasil e nos EUA se manteve na mesma rota após a divulgação do índice Empire State de atividade industrial, que subiu para 19,57 em junho, ante 19,11 em maio. O resultado foi positivo pelo 11º mês seguido. No começo da tarde, sai o índice de sentimento do setor de construção de junho.

Os investidores estão empurrando para debaixo do tapete as notícias negativas, que evidenciam a fragilidade da recuperação da economia na zona do euro. O índice ZEW de expectativa econômica na Alemanha, que caiu pelo segundo mês seguido em junho, para 28,7 pontos, ante 45,8 pontos em maio. O resultado foi a maior queda desde outubro de 2008 e ficou abaixo da expectativa dos economistas, de 42,5 pontos. Outra notícia negativa é a redução do superávit na zona do euro (que reúne os 16 países que adotam o euro como moeda) em abril, para 1,8 bilhão de euros (US$ 2,2 bilhões), uma queda em relação ao superávit de 4,5 bilhões de euros de março.

Hoje, as ações do frigorífico Marfrig devem reagir ao anuncio de ontem da compra da americana Keystone Foods, por US$ 1,26 bilhão. Com a aquisição, o Marfrig se torna um fornecedor de destaque de grupos importantes como McDonald"s, Campbell"s, Subway, ConAgra, Yum Brands. Essa é a segunda aquisição anunciada pelo Marfrig neste ano. Em maio, o grupo comprou o frigorífico irlandês O'Kane Poultry.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,02
    3,136
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,02
    75.974,18
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host