UOL Notícias Notícias
 
15/06/2010 - 10h40 / Atualizada 15/06/2010 - 11h03

Preso ex-diretor da Dersa acusado por receptação de joia

São Paulo - Paulo Vieira de Souza, ex-diretor do Dersa, foi preso em flagrante no sábado sob a acusação de receptar um bracelete de ouro furtado de uma loja no Shopping Iguatemi. Souza foi responsável por duas das principais obras viárias em São Paulo - o Trecho Sul do Rodoanel e a ampliação da Marginal do Tietê.

Souza estava com o joalheiro Musab Asmi Ftayer, que também foi preso. Na delegacia, o engenheiro disse que havia comprado o bracelete por R$ 20 mil de um desconhecido. A prisão ocorreu quando ele e o joalheiro foram à Gucci do Iguatemi para avaliar a peça que o engenheiro pretendia vender a Ftayer. O vendedor da loja reconheceu a joia e chamou a polícia. A peça havia sido furtada em 7 de maio.

O engenheiro estava com R$ 12,8 mil em dinheiro. Demitido da Dersa em 9 de abril deste ano, ele foi eleito Eminente Engenheiro do Ano pelo Instituto de Engenharia em 2009. Souza disse que não sabia que a joia era roubada e afirmou ter agido de boa-fé. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    12h09

    0,57
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    12h11

    -0,76
    74.814,01
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host