UOL Notícias Notícias
 
16/06/2010 - 13h55 / Atualizada 16/06/2010 - 14h11

Minoritários da BrT rejeitam troca de ações pela Oi

São Paulo - Os acionistas minoritários da Brasil Telecom (BrT) rejeitaram a nova relação de troca de suas ações por papéis da Telemar Norte Leste (TMAR, do Grupo Oi). A proposta fazia parte da última etapa da reorganização societária após a aquisição da BrT pelo Grupo Oi.

"Tendo em vista a rejeição das novas relações de substituição, as companhias informam que a simplificação societária, conforme proposta e divulgada em Fato Relevante datado de 25 de abril de 2008, está suspensa por prazo indeterminado", diz o fato relevante divulgado no início desta tarde.

Em março, o Grupo Oi anunciou a nova relação de troca de ações para balizar o processo de incorporação da BrT, suspenso desde janeiro. O novo cálculo levou em consideração a descoberta de um esqueleto judicial avaliado em R$ 2,5 bilhões, referente aos antigos planos de expansão do Sistema Telebrás. Inicialmente, a estimativa mensurada para esse tipo de provisão era de R$ 1,29 bilhão.

A proposta de troca era de 0,3955 ação ordinária da TMAR para cada ação ordinária da BrT e de 0,2191 ação preferencial classe C da TMAR para cada ação preferencial da BrT.

Às 13h33, as ações ON da BrT caíam 9% e PN, -2,64%; TMAR PNA cedia 2,99%. Os papéis ON da Oi recuavam 1,2% e PN, -3%.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host