UOL Notícias Notícias
 
19/06/2010 - 15h50 / Atualizada 19/06/2010 - 16h00

Vereador do PSDC é encontrado morte no Rio

Rio - O vereador Luiz Cláudio de Oliveira, o Claudinho da Academia (PSDC), foi encontrado morto na casa de Gabriel Andreatta, seu sócio e chefe de gabinete, em São Conrado, na zona sul. Ele teria sofrido um enfarte fulminante, aos 39 anos. Claudinho, morador da Rocinha, estava sendo investigado por suposto envolvimento com traficantes de drogas da favela da zona sul. Em 2007, ele foi presidente de uma das associações de moradores da Rocinha e, no ano seguinte, eleito vereador.

De acordo com o Ministério Público Estadual, o pedido de investigação, feito na semana passada à Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (Draco), foi motivado por causa de uma reunião com cerca de 100 moradores e comerciantes da favela, realizada em julho de 2008, na qual o líder do tráfico Antonio Francisco Bonfim Lopes, o Nem, teria ordenado, com ameaças, que os presentes votassem em Claudinho e divulgassem sua candidatura. O órgão afirma ter ouvido testemunhas que estavam na reunião. Por causa do mesmo procedimento, o vereador respondia a processo eleitoral sob acusação de coação de eleitores.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host