UOL Notícias Notícias
 
22/06/2010 - 13h00 / Atualizada 16/08/2010 - 23h55

PF faz operação contra comércio ilegal de ouro no AP

São Paulo - A Polícia Federal (PF) no Amapá deflagrou hoje a Operação Bateia, com o objetivo de coibir o comércio ilegal de ouro no Estado. Parte dele, segundo a PF, vem de garimpos clandestinos localizados na Guiana Francesa e em áreas de preservação da União, como o Parque Nacional das Montanhas do Tumucumaque.

A operação busca cumprir 18 mandados de busca e apreensão nos municípios de Macapá, Oiapoque, Calçoene e São Paulo. De acordo com a PF, já foram apreendidos cerca de 50 quilos do metal, com valor aproximado de R$ 3 milhões.

O ouro é remetido para fora do Estado de diversas formas: via malote, preso ao corpo e por via fluvial. Segundo a PF, diversos delitos podem ter sido praticados, como receptação, usurpação de matéria-prima da União, falsificação de documentos, além da sonegação fiscal e crime contra a ordem tributária.

A extração de ouro em áreas clandestinas, além de destruir o meio ambiente com o derrame de produtos químicos nos rios, a exemplo do mercúrio, lesa os cofres públicos na medida em que não há o recolhimento dos tributos devidos.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host