UOL Notícias Notícias
 
20/07/2010 - 08h23

Coveiro é baleado e PM liberta refém em Angra dos Reis

São Paulo - Terminou na madrugada de hoje o drama de uma adolescente feita refém durante oito horas pelo vizinho, o coveiro Jair Fernandes da Conceição dos Santos, no interior de uma das casas no bairro do Perequê, em Angra dos Reis, litoral sul fluminense. Agentes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) arrombaram a porta e balearam o suspeito, que teria reagido. A jovem, de 16 anos, saiu ilesa.

Segundo a polícia, a adolescente e a namorada dela, de 20 anos, que moram no mesmo bairro, teriam bebido durante boa parte da tarde ao lado de Jair e decidiram ir todos para a casa dele. Por volta das 16 horas de ontem, a namorada da jovem saiu correndo do imóvel para pedir ajuda. A adolescente, sem conseguir se desvencilhar do acusado, foi mantida refém sob a mira de um revólver. O próprio criminoso ligou para a polícia e informou que não iria se entregar.

Policiais militares do 33º Batalhão, de Angra, e do Bope cercaram a casa. Exigindo a presença da imprensa e de parentes, que chegaram a ajudar nas negociações, e negando-se a manter contato telefônico com os PMs, o coveiro foi surpreendido por uma ação rápida dos policiais. Utilizando explosivos, eles arrombaram a porta e atiraram contra Jair.

Ele foi encaminhado para o Hospital de Praia Brava, mas não teve o estado de saúde divulgado pela unidade. Segundo a Polícia Militar (PM), Jair estaria fora de perigo. O caso será registrado na 166ª Delegacia, de Angra.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    12h40

    -0,86
    3,154
    Outras moedas
  • Bovespa

    12h42

    0,52
    70.373,33
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host