UOL Notícias Notícias
 
28/07/2010 - 08h20

Ásia: bolsas fecham no terreno positivo; HK: +0,6%

Tóquio - As bolsas da Ásia fecharam no terreno positivo, embaladas por boas perspectivas para os resultados das empresas e para a economia global.

A Bolsa de Hong Kong teve seu sétimo pregão consecutivo de alta, liderada pelo peso pesado do setor bancário HSBC, cujo balanço do primeiro semestre sai na próxima segunda-feira. O índice Hang Seng Index avançou 0,6% e fechou aos 21.091,18 pontos.

Na China, o principal índice acionário fechou com a maior pontuação em dois meses, em meio ao crescente otimismo sobre a economia local que se seguiu à declaração do banco central na terça-feira. A instituição disse que uma recessão de duplo mergulho é improvável. O índice Xangai Composto, que segue as ações A e B, terminou com elevação de 2,3%, fechando aos 2.633,66 pontos, maior nível desde 28 de maio. O Shenzhen Composto subiu 2,1% e fechou aos 1.071,95 pontos.

No mercado de câmbio, o yuan subiu ligeiramente diante do dólar, graças à demanda dos exportadores pela moeda local, que acabou anulando o efeito do aumento na paridade central. No balcão, o dólar fechou negociado a 6,7780 yuans, pouco abaixo dos 6,7786 yuans do fechamento de terça-feira. A paridade central foi fixada em 6,7785 yuans por dólar, acima dos 6,7742 yuans por dólar de terça-feira.

A Bolsa de Taipé, em Taiwan, fechou o dia em alta, na trilha de ganhos dos mercados asiáticos, mas ainda fortemente influenciada pela realização de lucros. O índice Taiwan Weighted subiu 0,5%, e fechou aos 7.784,81 pontos.

Na Coreia do Sul, a Bolsa de Seul encerrou o pregão positiva, ajudada pelos ganhos nas blue chips, que foram puxadas para cima pelo fluxo contínuo de capital externo e pelos resultados das bolsas da região. O índice Kospi subiu 0,3% e fechou aos 1.773,47 pontos.

A Bolsa de Sydney, na Austrália, fechou em alta pelo quarto dia consecutivo, influenciada pelos ganhos de empresas norte-americanas e pelas perspectivas de que a economia dos EUA não entrará em recessão de duplo mergulho, apesar dos dados decepcionantes dos últimos meses. O índice S&P/ASX 200 teve alta de 0,7% e fechou aos 4.529,9 pontos.

Nas Filipinas, a Bolsa de Manila fechou em alta. O índice PSE subiu 0,7%e terminou aos 3.462,11 pontos.

A Bolsa de Cingapura teve alta, com os investidores reagindo positivamente aos fortes lucros de companhias. O índice Straits Times ganhou 0,2% e fechou aos 2.985,38 pontos.

O índice composto da Bolsa de Jacarta, na Indonésia, teve alta de 0,5% e fechou aos 3.057,47 pontos, com os investidores comprando ações em meio a otimismo sobre os lucros do primeiro semestre.

O índice SET da Bolsa de Bangcoc, na Tailândia, fechou estável aos 853,78 pontos, com realizações de lucros absorvendo os ganhos iniciais.

O índice composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur, na Malásia, subiu 0,2% e fechou aos 1.355,19 pontos, com o mercado digerindo recentes altas e se consolidando. As informações são da Dow Jones

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host