UOL Notícias Notícias
 
04/08/2010 - 17h15

Dólar fecha estável a R$ 1,759

São Paulo - Algum alento visto nos indicadores da economia americana divulgados hoje garantiu a interrupção - ainda que momentânea - das vendas do dólar em todo o mundo, possibilitando altas frente ao euro e ao iene. No mercado doméstico, entretanto, a divisa rondou a estabilidade diante da constatação de ingresso de recursos na última semana de julho, ao mesmo tempo em que os bancos permanecem "vendidos" em US$ 10 bilhões (aposta na queda do dólar), o que não permite afugentar os temores de que o Banco Central volte a fazer leilões de swap cambial reverso quinze meses depois de zerar sua posição no mercado futuro.

O dólar comercial fechou estável hoje nas negociações no mercado interbancário de câmbio a R$ 1,759. No mês, a moeda registra alta de 0,23% e no ano, +0,92%. Na Bolsa de Mercadorias & Futuros, o dólar negociado à vista encerrou o pregão a R$ 1,758, queda leve de 0,04%. O euro comercial cedeu 0,52% para R$ 2,316.

Segundo dados do Banco Central divulgados hoje, o fluxo cambial fechou o mês de julho positivo em US$ 712 milhões graças ao ingresso de US$ 3,016 bilhões na última semana do mês - US$ 2,241 bilhões de fluxo financeiro e US$ 775 milhões de fluxo comercial. Em junho, o fluxo cambial estava negativo em US$ 4,279 bilhões, mas no acumulado do ano está positivo em US$ 4,075 bilhões.

Hoje, o BC realizou leilão por volta das 15h45 e fixou a taxa de corte das propostas em R$ 1,7577. No ano, as intervenções do BC no câmbio já somam US$ 15,5 bilhões.

Nos Estados Unidos, o índice ISM de atividade do setor não industrial subiu para 54,3 em julho. Outro indicador positivo foi pesquisa sobre o emprego no setor privado dos Estados Unidos, divulgada pela Automatic Data Processing/Macroeconomic Advisers (ADP/MA). Os dados garantiram o sinal positivo nas bolsas de Nova York, ainda que sem grandes arroubos, e o fortalecimento do dólar perante outras moedas globais. Perto das 16h40, o euro era negociado a US$ 1,3169, de US$ 1,3233 ontem no final da tarde em Nova York, enquanto o dólar avançava para 86,27 ienes, de 85,85 ienes ontem em NY.

Câmbio turismo

Nas operações de câmbio turismo, o dólar fechou estável e foi negociado em média à R$ 1,87 na ponta de venda e a R$ 1,697 na compra. O euro turismo registrou alta de 1,65% para R$ 2,46 (venda) e R$ 2,247 (compra).

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    13h39

    -0,18
    3,162
    Outras moedas
  • Bovespa

    13h42

    -0,69
    65.212,59
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host