UOL Notícias Notícias
 
10/08/2010 - 14h33

Fundos de renda fixa terão taxa de administração menor

São Paulo - As taxas de administração cobradas pelos fundos de investimento devem manter a tendência de queda, mas apenas nos produtos de renda fixa, afirmou hoje o vice-presidente da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima), Demosthenes Pinho Neto. "Nos fundos de ações e multimercados deveremos apresentar uma estabilidade na cobrança", projetou.

Nos últimos cinco anos, a taxa média cobrada nos fundos de renda fixa para os investidores de varejo caiu de 1,31% para 1,14% ao ano, e nos referenciados DI, de 1,73% para 1,43%. A mesma trajetória, contudo, não foi verificada entre os multimercados, cuja cobrança média subiu de 1,79% para 1,87% no período, e nos fundos de ações, que registraram um aumento na taxa de 2,06% para 2,22% ao ano.

O vice-presidente da Anbima atribuiu o aumento nas taxas dos produtos multimercados e de ações ao crescimento do mercado de capitais nos últimos anos, mais precisamente em 2006 e 2007, com a explosão no número de ofertas públicas iniciais (IPO, na sigla em inglês) no mercado brasileiro. "As áreas de gestão de ações se tornaram mais complexas e precisaram ampliar as equipes de análise, o que se traduziu em um maior valor adicionado e em uma taxa maior", argumentou.

Questionado se a volta das ofertas de ações no mercado brasileiro poderiam levar a um novo aumento na taxa dos fundos, o executivo afirmou que, atualmente, as assets possuem estruturas adequadas para lidar com esse cenário. "Além do mais, não esperamos que haja um fenômeno de aberturas de capital como o que ocorreu em 2007", acrescentou.

Especificamente sobre os multimercados, Pinho Neto afirmou que a taxa indicada nos dados da Anbima inclui também a performance, cobrada do cotista quando o gestor supera o referencial (benchmark). "A menos que haja uma performance muito boa desses fundos, não vejo motivo para uma alta nas taxas daqui para frente", ponderou.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host