UOL Notícias Notícias
 
18/08/2010 - 10h40

Anvisa quer saber resultados de reprodução assistida

São Paulo - A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) quer que as clínicas de reprodução assistida informem os resultados dos processos realizados. Atualmente, o órgão regulador não tem informações confiáveis sobre o número de embriões obtidos e a respeito do sucesso ou insucesso das gestações. "Não sabemos se houve gravidez ou não. O sistema existente não é validado (não há segurança sobre a veracidade das informações) e as clínicas não sabem como alimentá-lo", afirmou ontem Dirceu Barbano, direto da agência.

A situação não permite que seja conhecido, por exemplo, o índice geral de sucesso dos centros, para comparar com os números divulgadas pelo marketing das empresas. A proposta da agência ficará por 30 dias em consulta pública.

Segundo balanço do órgão regulador, desde a última regulamentação para as clínicas, ocorrida em 2006, os dados disponíveis apontam que cresceu o número de embriões considerados viáveis para implantação, o que indicaria melhoria na qualidade dos serviços prestados. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    13h50

    -0,58
    3,118
    Outras moedas
  • Bovespa

    13h54

    -0,64
    75.486,98
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host