UOL Notícias Notícias
 
23/08/2010 - 10h33

Bolsas de Nova York abrem a semana em alta

Nova York - As Bolsas de Nova York abriram a segunda-feira em alta. A semana passada minou mais um pouco as esperanças de uma retomada consistente da economia norte-americana. No entanto, investidores buscam fôlego nas notícias de fusões e aquisições, que devem impulsionar as bolsas nesta segunda-feira. As ações da 3Par disparavam no pré-mercado após a Hewlett-Packard dar um lance maior do que o da Dell pela companhia de armazenamento de dados.

Às 10h31 (de Brasília), o índice Dow Jones subia 0,27% aos 10.241,58 pontos; o Nasdaq registrava ganho de 0,48% para 2.190,97 pontos e o S&P 500 tinha alta de 0,38% aos 1.075,76 pontos.

O foco da semana está no PIB revisado do 2º trimestre dos EUA que sai na sexta-feira. Para desconsolo geral, o crescimento do país deverá ser revisado dos atuais 2,4% para ao redor de 1,5%, segundo esperam analistas, como a diretora do Crédit Suisse em Nova York, Dana Saporta.

Também esta semana, Reino Unido, Alemanha e Espanha divulgam PIB revisado do segundo trimestre. A Europa mostra que está caminhando em passos curtos. Segundo pesquisa feita pela consultoria Markit, a atividade do setor privado na zona do euro expandiu-se em ritmo bem mais lento em agosto, pressionada pelos setores de manufatura e serviços, mas ainda assim ficou acima do nível de 50, o que mostra que ainda há crescimento.

Com a economia global dando poucos frutos, as empresas parecem mais famintas do que nunca por fusões e aquisições. Na semana passada foi a oferta hostil da BHP Billiton pela Potash. Hoje, a 3Par está sendo disputada pela HP e pela Dell.

A HP disse que pagaria US$ 24 por ação pela empresa californiana 3Par, 33,3% acima do valor oferecido pela Dell, de US$ 18 por ação. Uma vez que a oferta seja aprovada, a HP diz esperar fechar o negócio de US$ 1,6 bilhão até o final do ano.

As ações da Potash subiam, após a empresa recomendar a seus acionistas que rejeitem a oferta hostil de quase US$ 39 bilhões da mineradora BHP Billiton, cujos papéis estavam em alta de 1,23%. A companhia também disse que foi sondada por outras companhias que expressaram "interesse em considerar transações alternativas".

O HSBC Holdings informou que negocia a compra de até 70% do banco sul-africano Nedbank Group, num negócio que pode chegar a US$ 6,4 bilhões.

Ainda no universo das aquisições, a segunda maior fabricante do mundo de cervejas, a SABMiller, estaria interessada em comprar a Foster's por US$ 10,9 bilhões, segundo o Sunday Times.

A Campbell Soup deve fazer uma proposta de US$ 2,3 bilhões para compra de parte da companhia britânica United Biscuits.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,31
    3,266
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,60
    62.662,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host