UOL Notícias Notícias
 
25/08/2010 - 17h08

Supremo decreta prisão de italiano detido em São Paulo

São Paulo - O Supremo Tribunal Federal (STF) decretou hoje a prisão do italiano Luca Alessandro Longobardi, de 40 anos, acusado de cometer crimes financeiros na Itália. Ele foi detido ontem no consulado dos Estados Unidos, em São Paulo, enquanto tentava obter visto para o país.

Luca teve prisão expedida pela justiça italiana em 6 de julho de 2010, e foi identificado no Brasil pela difusão vermelha da polícia internacional (Interpol). O documento informa aos países membros os criminosos procurados em cada país.

O italiano, natural de Milão, foi conduzido pela Polícia Civil para a sede da Polícia Federal (PF), em São Paulo, onde teve sua prisão preventiva decretada pelo presidente do STF, com base na lei do estrangeiro. A PF aguarda o pedido de extradição das autoridades italianas.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,84
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,35
    68.594,30
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host