UOL Notícias Notícias
 
27/08/2010 - 07h58

Bolsas da Ásia aguardam números dos EUA

Tóquio - A maioria dos mercados asiáticos encerrou a semana com resultados próximos da estabilidade. Nesta sexta-feira, os investidores ficaram na expectativa da divulgação do PIB revisado do segundo trimestre dos Estados Unidos e pelo pronunciamento do presidente do Fed, Ben Bernanke.

Este foi o exemplo da Bolsa de Hong Kong, que caiu pela sexta sessão seguida. O índice Hang Seng caiu 14,71 pontos, ou 0,1%, e terminou aos 20.597,35 pontos - na semana, o índice acumulou perda de 1,8%.

Já as Bolsas da China fecharam novamente em ligeira alta, lideradas pelas ações de petrolíferas, que divulgaram sólidos balanços e foram beneficiadas pelo anúncio de que Pequim irá manter a política econômica estável no segundo semestre. O índice Xangai Composto subiu 0,3% e encerrou aos 2.610,74 pontos. O índice Shenzhen Composto avançou 0,9% e terminou aos 1.128,49 pontos.

O yuan teve ligeira valorização sobre o dólar, com os traders fechando posição à espera dos números da economia norte-americana. No mercado de balcão, o dólar fechou cotado em 6,7982 yuans, de 6,7998 yuans do fechamento de quinta-feira. A paridade central dólar-yuan foi fixada em 6,8001 yuans, de 6,8041 yuans ontem.

Em Taiwan, a Bolsa de Taipé subiu após negociação em faixa estreita, O índice Taiwan Weighted avançou 0,4% e fechou aos 7.722,91 pontos.

A Bolsa de Seul, na Coreia do Sul, encerrou o dia estável, com notícias corporativas positivas compensando as preocupações persistentes sobre o crescimento mais lento da economia mundial. O índice Kospi fechou em baixa de 0,01% e terminou aos 1.729,56 pontos.

Apoiada em ações das empresas de bens de consumo e do setor financeiro, a Bolsa de Sydney, na Austrália, fechou com ligeira alta. O índice S&P/ASX 200 avançou 0,3% e encerrou aos 4.370,1 pontos.

Nas Filipinas, as realizações de lucros levaram o índice PSE da Bolsa de Manila a fechar em queda de 1%, terminando aos 3.558,67 pontos.

Ações relacionadas a commodities lideraram a alta na Bolsa de Cingapura, na contramão de um amplo declínio nas demais bolsas asiáticas e um negativo resultado em Wall Street, uma vez que os investidores permaneceram otimistas quanto às projeções da economia de Cingapura. O índice Straits Times avançou 0,4% e fechou aos 2.938,74 pontos.

O índice composto da Bolsa de Jacarta, na Indonésia, cedeu 1,3% e fechou aos 3.104,73 pontos, liderado por vendas em papeis relacionados a commodities e bancos.

O índice SET da Bolsa de Bangcoc, na Tailândia, subiu 1,6% e fechou aos 900,37 pontos. Siderúrgicas avançaram por conta da alta dos preços do aço e por otimismo quanto aos lucros do quarto trimestre. Alguns papeis de telecomunicações também subiram por conta de especulações sobre as projeções para o leilão das licenças da telefonia móvel 3G.

O índice composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur, na Malásia, subiu 0,2% e fechou aos 1.411,05 pontos, incrementado após empresas divulgarem seus resultados do segundo trimestre. As informações são da Dow Jones

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host