UOL Notícias Notícias
 
30/08/2010 - 19h25

Sorocaba-SP busca multa para desperdício de água

Sorocaba - Quem for flagrado desperdiçando água pode ser multado em até R$ 15 mil, em Sorocaba (SP), prevê projeto protocolado hoje na Câmara da cidade. Segundo a medida, é considerado desperdício usar água do sistema público para lavar carros e calçadas.

O valor dobra na reincidência e triplica nos períodos de estiagem, como o atual. Para virar lei, o projeto precisa ser aprovado pelos vereadores e sancionado pelo prefeito Vitor Lippi (PSDB).

O Serviço Autônomo de Água e Esgotos (SAAE) de Sorocaba iniciou campanha nas rádios pedindo economia de água. Também pede à população que denuncie o desperdício. A medida foi tomada em razão do aumento no consumo motivado pelo clima seco.

Sem chuva há 45 dias, o nível dos reservatórios baixou e a autarquia começou a usar água da represa de Ipaneminha, reservada para os períodos de seca. Ontem, apesar da melhoria na umidade do ar, que à tarde estava em 34%, a cidade voltou a registrar queimadas. Um incêndio atingiu uma área de 12 hectares de mata e eucaliptos numa região de condomínios, no Alto da Boa Vista. Bombeiros e voluntários trabalharam toda a madrugada para evitar que as chamas atingissem chácaras.

Em Porto Feliz, com a redução no nível do ribeirão Avecuia, o serviço de água começou a usar o aquífero Tubarão para manter o abastecimento. O líquido é captado em poços profundos. A cidade também convive com a fumaça oriunda de queimadas. Em Araçoiaba da Serra, produtores rurais do bairro Jundiaquara reclamavam da falta de água para irrigação. Lagoas e córregos usados para a captação estavam praticamente secos.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,13
    3,270
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,51
    63.760,94
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host