UOL Notícias Notícias
 

01/10/2009 - 09h49

Negociações para acordo com Mercosul não têm data para serem retomadas, diz UE

ANSA
MONTEVIDÉU, 1 OUT (ANSA) - As negociações entre a União Europeia (UE) e o Mercosul para um acordo bilateral de associação ainda não têm data para serem retomadas, explicou o chefe da delegação da Comissão Europeia no Uruguai e no Paraguai, Geoffrey Barret.

Em Montevidéu, ao apresentar um informe com as novas estratégias da UE para suas relações com a América Latina e o Caribe, Barret afirmou que, atualmente, os dois blocos não têm a intenção de relançar as conversações.

"Temos de esperar um momento bom", comentou. Em sua opinião, há ainda "muito trabalho" para alcançar a integração no Mercosul. Para ele, além disso, os vínculos entre Europa e América Latina são "mais que uma relação birregional".

UE e Mercosul buscam há anos superar as diferenças existentes para firmar um acordo de associação. O Mercosul acusa a União Europeia de protecionismo no mercado de matérias-primas agropecuárias, enquanto os europeus exigem melhores condições para investimentos e uma maior abertura nas compras governamentais e para bens industriais.

Na última década, a Comissão Europeia, braço executivo da UE, financiou mais de 450 projetos na América Latina e no Caribe, com valores estimados em cerca de 3 bilhões de euros (R$ 7,75 bilhões).

Em novembro, será realizada uma cúpula entre UE e América Latina na Espanha, país que assumirá em 2010 a presidência semestral do bloco europeu.

Em viagens a Argentina, Paraguai e Uruguai realizadas em julho, o secretário de Estado espanhol para a Ibero-América, Juan Pablo de Laiglesia, garantiu que a América Latina terá um lugar de destaque na agenda da Espanha durante seu período à frente da UE.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,40
    3,279
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,95
    63.257,36
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host