UOL Notícias Notícias
 

29/11/2009 - 18h17

Uruguai-Eleições: Em clima de derrota, opositor vota e pede 'unidade nacional'

ANSA
MONTEVIDÉU, 29 NOV (ANSA) - O candidato de oposição à presidência do Uruguai, Luis Lacalle, que votou na tarde de hoje, manteve o discurso de seu companheiro de chapa, Jorge Larrañaga, e desejou que o pleito termine com "fraternidade", porque "amanhã começa outro dia".

"Para nós, o dia de hoje é um dia em que temos que evocar a unidade nacional. Esse é o espírito da democracia, ser um só país, ainda que neste momento estejamos competindo entre duas preferências", disse o candidato do Partido nacional após emitir seu voto no segundo turno das presidenciais.

Lacalle, que enfrenta o governista José Mujica [favorito, segundo pesquisas], também convocou a população a "festejar com respeito", agitando a "bandeira nacional", e desejou que o dia termine com "fraternidade e unidade nacional, porque amanhã começa outro dia".

Antes, Larrañaga havia declarado que independentemente de quem sair vitorioso hoje, este deve "levar adiante entendimentos", porque "os problemas não se pintam de cor política nem partidária".

Escolhido por 29% dos eleitores no primeiro turno, em 25 de outubro, Lacalle disputa a presidência com Mujica, que obteve 48% das preferências. As urnas, abertas às 8h, serão fechadas às 19h30. As primeiras parciais oficiais devem ser divulgadas duas horas depois.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,02
    3,136
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,02
    75.974,18
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host