UOL Notícias Notícias
 

08/12/2009 - 13h16

Chanceler destaca administração uruguaia no comando do Mercosul

ANSA
MONTEVIDÉU, 8 DEZ (ANSA) - O ministro uruguaio das Relações Exteriores, Pedro Vaz, afirmou hoje que seu país conseguiu retomar as negociações entre a União Europeia e o Mercosul e também avançou nos diálogos pelo fim da dupla cobrança da Tarifa Externa Comum (TEC).

Segundo o chanceler, durante os seis meses da presidência uruguaia do Mercosul, o governo de Tabaré Vázquez ainda tentou incentivar a aproximação entre Brasil, Paraguai, Argentina e Uruguai [membros do bloco], com o objetivo de reduzir as "assimetrias" internas.

O ministro mencionou também o Acordo Automotivo Mercosul-México, que prevê um as tarifas que serão utilizadas pelo setor, e recordou o início da vigência do Tratado de Livre Comércio (TLC) entre Uruguai e Israel, que se estenderá a todos os países do Mercosul.

Vázquez transfere hoje a presidência do Mercosul à mandatária argentina, Cristina Kirchner, ao término da 38ª Cúpula de Chefes de Estado do bloco, realizada em Montevidéu.

Ao comentar o evento, Vaz desejou que a realização "de reuniões em nível técnico e de coordenação".

Já Vázquez disse esperar que a presidência argentina seja capaz de "finalizar o acordo" com a UE, já que os representantes do Mercosul "ratificaram a decisão de avançar muito rapidamente" neste tema.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host