UOL Notícias Notícias
 

11/12/2009 - 21h03

(Amplia e atualiza) Em Lima, Lula assina acordos e celebra cooperação com o Peru

ANSA
LIMA, 11 DEZ (ANSA) - Os presidentes do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, e do Peru, Alan García, celebraram hoje os "significativos" avanços obtidos em relação aos acordos de integração debatidos em abril, quando estiveram juntos no Acre.Nesta sexta-feira, na capital peruana, Lima, os dois mandatários se reuniram a portas fechadas durante duas horas para repassar os principais assuntos da agenda bilateral. Em seguida, participaram de um encontro ampliado, com a presença de ministros, e assinaram uma série de tratados de cooperação.As atividades de hoje, afirma um comunicado emitido pelas duas delegações, possibilitaram "prosseguir com o frutífero diálogo entre os chefes de Estado, dando continuidade ao Encontro Fronteiriço mantido na cidade de Rio Branco" em abril."Os dois mandatários se congratularam pelos significativos avanços obtidos em relação à integração fronteiriça, física, energética, econômica e comercial, bem como nos campos de cooperação técnica, cultural e educativa".Os tratados firmados hoje por Lula e García abarcam as áreas de integração fronteiriça, a promoção do turismo e dos investimentos, o desenvolvimento social e a luta contra o narcotráfico, entre outras.Em um destes acordos, os dois governos estabeleceram a criação da Zona de Integração Fronteiriça Peru-Brasil, cuja finalidade será facilitar o trânsito de pessoas e veículos nas áreas limítrofes, assim como promover o intercâmbio comercial e turístico.Situada na região amazônica, a zona de integração compreenderá os estados do Acre e de Rondônia e as áreas peruanas de Madre de Dios, Puno e Cusco.Foi firmado ainda o Acordo Marco sobre Localidades Vinculadas, por meio do qual habitantes da região da fronteira poderão trabalhar, estudar, fazer compras ou buscar atendimento médico nos dois países.Lula viajou acompanhado de seus ministros das Relações Exteriores, Celso Amorim, da Defesa, Nelson Jobim, e das Minas e Energia, Edison Lobão.Outros importantes temas que estiveram na pauta foram a consolidação de um projeto de integração energética, com a construção de hidrelétricas, e o corredor interoceânico que ligará portos situados no Brasil e no Peru.A comitiva empresarial participou da "Semana do Brasil no Peru", atividade similar à Expo Peru 2008, que ocorreu em setembro do ano passado em São Paulo.InvejaAo discursar antes de assinar os convênios bilaterais, o presidente Lula pediu às companhias do país que ampliem seus investimentos no Peru.Segundo ele, Brasil e Peru vivem um momento "singular" em suas relações, caracterizado pelo aumento de investimentos e uma maior integração, algo que seria "impensável" há 10 anos."Prevalecia uma doutrina que nos fazia viver de costas um para o outro, pensando que a solução para nossos problemas vinha das potências", disse."Queremos ter uma relação de igual, de sócios", prosseguiu Lula, "na qual todos possam ser beneficiados pelos acordos que estamos" assinando.Ao se referir ao bom desempenho das economias de Brasil e Peru nos últimos anos, o mandatário ressaltou que as nações ricas "sentem inveja" da solidez dos dois países sul-americanos."Hoje, muitos países ricos sentem inveja por não terem a mesma solidez econômica que nós, embora tenham mais tecnologia, mais patrimônio e mais dinheiro", afirmou.García, por sua vez, considerou que a integração com o Brasil, nos aspectos comercial, físico e de infraestrutura, permitirá no curto prazo gerar um "alto nível de bem-estar e justiça social" em benefício dos dois povos."Estou convencido de que a união de nossos povos e a integração física, com estradas, e também de nossos portos, voos e comércio, permitirão em um futuro muito próximo alcançar em ambos os países altos níveis de bem-estar e justiça social", ponderou.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,12
    3,283
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,05
    63.226,79
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host