UOL Notícias Notícias
 

14/12/2009 - 13h42

Berlusconi não irá à Conferência da ONU sobre mudanças climáticas

ANSA
COPENHAGUE E ROMA, 14 DEZ (ANSA) - A viagem do premier italiano, Silvio Berlusconi, à Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática (COP 15), em Copenhague, foi cancelada por causa da agressão sofrida por ele na noite de ontem.

Após um comício em Milão, Berlusconi foi atingido no rosto por uma miniatura do Duomo (catedral) da cidade. Ele sofreu uma fratura no nariz, teve o lábio superior cortado e quebrou dois dentes. Tendo sido conduzido ao hospital logo após o ataque, o premier ainda permanece internado.

O médico particular de Berlusconi, Alberto Zangrillo, informou que as condições do primeiro-ministro são piores do que se esperava e negou a previsão inicial de que ele ficaria hospitalizado por 24 horas sob observação.

Por isso, o premier não terá como enfrentar a viagem até a Dinamarca e participar dos intensos debates de um dos principais eventos políticos internacionais do ano.

Anteriormente, o primeiro-ministro italiano planejava chegar a Copenhague na quarta-feira e comparecer à cúpula da ONU na quinta e sexta-feira -- os dois últimos e mais decisivos dias da reunião. Para esta data são esperados alguns dos principais governantes do mundo, como o presidente norte-americano, Barack Obama.

Antes do anúncio, a ministra italiana do Meio Ambiente, Stefania Prestigiacomo, afirmou esperar o comparecimento de Berlusconi ao evento.

Ainda não se sabe se as condições de saúde do premier permitirão que ele mantenha os demais compromissos agendados para dezembro.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,12
    3,283
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,05
    63.226,79
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host