UOL Notícias Notícias
 

18/12/2009 - 14h37

Primeiro dia de Berlusconi em casa após agressão é tranquilo

ANSA
ROMA, 18 DEZ (ANSA) - As primeiras 24 horas do premier italiano, Silvio Berlusconi, em casa, após ter permanecido internado em um hospital devido a uma agressão sofrida no último domingo, foram tranquilas.

O premier voltou na manhã de ontem para sua residência em Arcore, norte da Itália. Desde domingo, quando foi agredido por um cidadão com problemas mentais, Berlusconi estava em observação no hospital San Raffaele, em Milão.

Ele foi atingido no rosto por uma miniatura do Duomo [catedral] da cidade, fraturando o nariz e dois dentes, além de ter ferimentos no lábio superior. Ele permaneceu no centro hospitalar sob observação por ter perdido uma grande quantidade de sangue e por sentir fortes dores.

Na manhã de hoje, Berlusconi recebeu a visita do líder do partido Povo da Liberdade (PDL) na Câmara dos Deputados, Fabrizio Cichitto, que queria cumprimentá-lo em vista do Natal e também saber sobre o seu estado de saúde.

À residência também chegaram inúmeras mensagens de solidariedade e presentes, enviados por políticos e por cidadãos do país. Ontem, em frente à casa, havia faixas que estimavam ao premier uma rápida recuperação.

Os médicos que acompanham o primeiro-ministro o orientaram a repousar. Um dos compromissos de Berlusconi de hoje seria a Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática (COP 15), em Copenhague, mas foi cancelado logo após o ataque.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,40
    3,279
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,95
    63.257,36
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host