UOL Notícias Notícias
 

24/12/2009 - 19h10

Segurança de governadores colombianos será reforçada após assassinato

ANSA
BOGOTÁ, 24 DEZ (ANSA) - O governo da Colômbia prometeu hoje reforçar a segurança dos governadores do país após o assassinato de Luis Francisco Cuéllar, mandatário regional do departamento (estado) de Caquetá, que havia sido sequestrado na segunda-feira.

O ministro da Defesa, Gabriel Silva, disse que seu gabinete emitirá uma ordem na segunda-feira para que o Exército e a polícia ampliem sua "vigilância e presença" para patrulhar de maneira mais eficiente o trânsito dos governadores e também suas residências.

Cuéllar, de 69 anos, foi sequestrado em sua casa, em Florencia, capital de Caquetá, sul do país, por um grupo de dez homens armados que usavam roupas militares. Seu corpo foi encontrado decapitado horas depois.

O governo atribuiu o crime às Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), mas a Agência de Notícias Nova Colômbia (Anncol), ligada ao grupo, divulgou um comunicado no qual se coloca em dúvida o envolvimento da guerrilha.

O texto acusa o governador morto de manter vínculos com paramilitares e diz que "toda a responsabilidade" pelo homicídio deve ser atribuída ao presidente Álvaro Uribe, que havia dado ordens às Forças Armadas para localizar e resgatar o político.

"Quando o presidente ordena o resgate a sangue e a fogo, não se pode esperar outro resultado", diz a nota.

O ministro da Defesa afirmou que o Exército manterá suas operações em Caquetá para localizar os autores do crime. Segundo ele, os responsáveis já estão identificados, e "não há nenhuma dúvida" de que foram membros das Farc.

O corpo de Cuéllar chegou hoje em um avião da polícia a Bogotá, onde será enterrado. O presidente Uribe esteve no aeroporto militar da capital para receber os restos mortais e a família do governador.

Após o sequestro, parentes de Cuéllar disseram que sua segurança não era suficiente para evitar o ocorrido, sobretudo porque o político já havia sido raptado em quatro ocasiões anteriores.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host