UOL Notícias Notícias
 

30/12/2009 - 14h57

Presidente eleito do Uruguai busca acordo sobre fábrica de celulose com argentinos

ANSA
MONTEVIDÉU, 30 DEZ (ANSA) - O presidente eleito do Uruguai, José Mujica, que assumirá o governo em março de 2010, se reuniu recentemente com ambientalistas argentinos para tentar superar o conflito bilateral que envolve a instalação de uma fábrica de pasta de celulose no lado uruguaio da fronteira.

Fontes próximas a Mujica disseram à revista semanal Búsqueda que "algum avanço" foi conquistado no encontro, mas preferiram não revelar maiores detalhes.

Desde 2007, uma fábrica de pasta de celulose construída pelo grupo Botnia e vendida neste mês à UPM -- ambas empresas de origem finlandesa -- funciona na cidade fronteiriça de Fray Bentos, às margens do rio Uruguai.

O conflito entre os dois países vem da alegação feita pelos argentinos de que a fábrica polui as águas do rio. Com isso, ambientalistas da cidade de Gualeguaychú, do outro lado de Fray Bentos, bloqueiam desde 2006 a ponte internacional General San Martín, entre Uruguai e Argentina, trazendo prejuízos àquele país.

Além disso, tramita no Tribunal Internacional de Justiça, em Haia, uma demanda que trata da polêmica. A Argentina argumenta que a construção da indústria foi autorizada de forma arbitrária por Montevidéu, o que violaria um tratado bilateral que se refere ao rio Uruguai. A expectativa é que a decisão do tribunal saia no início de 2010.

Sobre o encontro com Mujica, o dirigente da Assembleia Cidadã Ambiental de Gualeguaychú José Pouler afirmou apenas que "oficialmente não há nada".

A resolução da controvérsia é uma das bandeiras do presidente eleito do Uruguai, que saiu vencedor do segundo turno do pleito, realizado em 29 de novembro.

Desde quando era candidato, ele mantém encontros com a presidente da Argentina, Cristina Kirchner. O conteúdo das conversas não foi revelado, mas cogita-se que os dois tenham discutido o caso da fábrica.

Há duas semanas, o grupo sueco-finlandês Stora Enso desistiu de construir outra indústria de pasta de celulose na mesma localidade uruguaia depois que Mujica manifestou-se contrário à iniciativa.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    13h49

    -0,46
    3,154
    Outras moedas
  • Bovespa

    13h59

    2,19
    70.139,40
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host