UOL Notícias Notícias
 

14/01/2010 - 19h05

EUA incluem 20 colombianos em lista de supostos narcotraficantes

ANSA
WASHINGTON, 14 JAN (ANSA) - O Departamento do Tesouro dos Estados Unidos incluiu hoje 16 empresas e 20 cidadãos colombianos na lista dos que supostamente possuem associação com o narcotráfico.

Com a decisão, as pessoas e empresas "designadas" serão proibidas de realizar atividades econômicas com norte-americanos e terão suas contas no país congeladas.

O principal destaque da ação foi a inclusão de Ramón Quintero Sanclemente, classificado como "um antigo traficante de cocaína" e "sucessor dos ex-líderes do alguma vez poderoso cartel Norte del Valle".

Quintero Sanclemente já havia feito parte da lista em 2005 e o retorno "demonstra seu crescente papel nas atividades do tráfico de drogas desde a morte de Wilber Varela, em 2008", explicou o Escritório de Controle de Ativos Estrangeiros (Ofac, na sigla em inglês), do Departamento do Tesouro.

O corpo de Wilber Varela foi encontrado em fevereiro de 2008, com marcas de bala, em um hotel próximo à cidade venezuelana de Mérida. À época, ele era um dos principais chefes do cartel Norte del Valle.

Para o diretor do Ofac, Adam Szubim, as medidas anunciadas "apontam não apenas os numerosos ativos ilegais e a rede de lavagem de dinheiro de Quintero Sanclemente, mas também a seu braço direito, Mario Germán Satizabal Rengifo".

A Ofac também acredita ter atingido outras pessoas, consideradas testas de ferro das atividades econômicas do cartel, e várias empresas supostamente utilizadas para lavagem de dinheiro, como a cadeia de restaurantes de carnes Jordanes Parrila Argentina, de Cali, na Colômbia.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,48
    3,144
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,53
    75.604,34
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host