UOL Notícias Notícias
 

11/02/2010 - 15h03

Cuba agradece à Rússia por 50 anos de 'generosa contribuição'

ANSA
HAVANA, 11 FEV (ANSA) - O governo de Cuba agradeceu hoje à Rússia pela "generosa contribuição" dada ao país durante os últimos 50 anos. O chanceler russo, Serguei Lavrov, chegou na manhã desta quinta-feira à ilha caribenha para uma visita na qual serão "relançadas" as relações bilaterais.

"Foram cinco décadas de uma contribuição muito generosa ao desenvolvimento de Cuba, primeiro por parte da União Soviética, e depois com a Federação Russa", disse o ministro das Relações Exteriores de Cuba, Bruno Rodríguez, ao receber Lavrov.

Até 1991, ano em que se dissolveu, a União Soviética foi o principal eixo de sustentação econômica do atual regime cubano, no poder desde o triunfo da revolução liderada por Fidel Castro, em 1959.

Recentemente, os vínculos entre Havana e Moscou voltaram a se intensificar. "Nossa relação com Cuba vai se desenvolvendo muito bem em todos os ângulos, sobretudo em comércio e economia", disse o chanceler russo.

O diplomata lidera uma delegação que permanecerá na ilha até o próximo sábado. O grupo irá participar de uma série de eventos relacionados à XIX Feira Internacional do Livro de Havana -- a Rússia é o país convidado de honra desta edição.

Dentre as atividades se destaca a apresentação do Balé Bolshoi no teatro Karl Marx, em Havana, no dia 13. Será o primeiro espetáculo da companhia em Cuba em 30 anos, de acordo com o jornal oficial Granma.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,40
    3,279
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,95
    63.257,36
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host