UOL Notícias Notícias
 

27/02/2010 - 16h48

Cáritas Italiana faz apelo por coordenação de um plano de ajuda ao Chile

ANSA
ROMA, 27 FEV (ANSA) - A organização católica Cáritas Italiana, que atuou fortemente nas operações de ajuda ao Haiti -- país devastado por um terremoto no último dia 12 de janeiro -- lançou hoje um apelo pela realização de um plano emergencial de ajuda ao Chile.

"Em contato constante com a rede Cáritas, [a Cáritas Italiana] lança um apelo para contribuir o quanto antes pela realização de um plano de emergência", diz a entidade, em um comunicado divulgado esta tarde.

A organização de ajuda humanitária também manifestou "prontamente sua proximidade e solidariedade à população atingida".

Logo após o terremoto de 7 graus na escala Richter que devastou a região da capital haitiana, a instituição de ajuda humanitária anunciou o envio de ajudas. Imediatamente, a Cáritas Italiana colocou 100 mil euros à disposição das vítimas do abalo sísmico e lançou uma campanha de doações à nação caribenha.

Também a Cruz Vermelha Italiana se disse pronta a colaborar com o Chile nas operações de socorro às vítimas e coordenação das ajudas.

De acordo com o Escritório Nacional de Emergência local (Onemi, na sigla em espanhol), o número de mortos em decorrência do terremoto de 8,8 graus na escala Richter que atingiu o Chile na madrugada de hoje já é de 147. Os dados, contudo, ainda são provisórios.

Na tarde de hoje, o governador da região de Bío Bío, Jaime Tohá, informou que há cerca de 100 pessoas soterradas sob os escombros de um edifício de 14 andares na região central do município de Concepción, a segunda maior do Chile e uma das mais atingidas pelo abalo sísmico.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,40
    3,279
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,95
    63.257,36
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host