UOL Notícias Notícias
 

02/03/2010 - 11h50

Hillary chega ao Chile para reuniões com Bachelet e Sebastián Piñera

ANSA
SANTIAGO DO CHILE, 2 MAR (ANSA) - A secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, chegou ao Chile na manhã de hoje para ver pessoalmente a situação local, após o terremoto de 8,8 graus na escala Richter que devastou algumas regiões do país no último sábado.

O avião que transportava a chefe da diplomacia dos Estados Unidos aterrissou no aeroporto da capital chilena, onde a esperavam a presidente desse país, Michelle Bachelet, o chanceler Mariano Fernández e o embaixador norte-americano no Chile, Paul Simons.

Junto à delegação norte-americana, os Estados Unidos enviaram ainda uma doação composta de 40 aparelhos telefônicos de alta tecnologia, com os quais espera-se reduzir os graves problemas nos sistemas de comunicações que afetam o país desde o abalo sísmico.

Além de reunir-se com Bachelet em encontro previsto para durar uma hora, Hillary deve se encontrar também com o presidente eleito do Chile, Sebastián Piñera, que assumirá o posto no próximo dia 11.

Antes de ir a Santiago, a secretária norte-americana esteve na Argentina e no Uruguai -- onde assistiu ontem à posse do presidente José Mujica. Ainda hoje ela viaja ao Brasil, onde se reunirá na quarta-feira, em Brasília, com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Depois, ela viajará a Costa Rica e Guatemala.

Também a acompanha na viagem o subsecretário de Estado norte-americano para o Hemisfério Ocidental, Arturo Valenzuela.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host