UOL Notícias Notícias
 

04/03/2010 - 15h16

(Amplia) Secretário-geral da ONU viaja ao Chile nesta quinta-feira

ANSA
NOVA YORK, 4 MAR (ANSA) - O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon, irá hoje ao Chile para uma visita de dois dias. A informação foi dada por um porta-voz da entidade, Faraq Han.

A viagem ocorre a convite do governo chileno, que pediu ajuda internacional para reconstruir as áreas devastadas pelo terremoto de 8,8 graus que atingiu especialmente o centro-sul do país na madrugada de sábado. Até o momento, foram confirmadas 802 mortes.

De acordo com o porta-voz, o secretário-geral da ONU dará atenção especial à cidade de Concepción, a segunda maior do Chile e uma das mais afetadas pelo terremoto.

Além disso, Ban Ki-moon se reunirá com a presidente Michelle Bachelet e com seu sucessor, Sebastián Piñera, que tomará posse no dia 11.

Também nesta quinta-feira, mais cedo, Bachelet reconheceu que o governo precisará solicitar "alguns créditos internacionais" para fazer frente à destruição causada pelo tremor, que afetou dois milhões de pessoas.

Segundo ela, "é enorme a magnitude" dos danos deixados pelo sismo e pelos tsunamis gerados por ele que varreram pontos do litoral do país.

"O Chile tem recursos para uma quantidade de ações, mas vamos ter de pedir crédito ao Banco Mundial e a outras entidades", declarou a mandatária em entrevista à rádio ADN.

Anteriormente, a secretária-geral adjunta para Assuntos Humanitários da ONU, Catherine Bragg, garantiu que a entidade dará ao Chile todo o auxílio que for necessário.

"A ONU está pronta para apoiar de todas as maneiras possíveis e tem estado em contato permanente com o governo desde o primeiro dia" da tragédia, disse ela.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    15h29

    0,73
    3,150
    Outras moedas
  • Bovespa

    15h34

    0,83
    64.921,97
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host