UOL Notícias Notícias
 

05/03/2010 - 13h56

Em Nova York, Henrique Meirelles ressalta bom momento da economia brasileira

ANSA
NOVA YORK, 5 MAR (ANSA) - O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, participou hoje em Nova York de um encontro promovido pela Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos e ressaltou os fatores que, segundo ele, permitiram ao Brasil ser um dos primeiros países a superar os efeitos da crise internacional.

Em sua exposição, Meirelles chamou a atenção para o bom momento vivido pela economia brasileira e o clima de otimismo que marcam as projeções de curto e médio prazos.

O presidente do BC mencionou a redução da taxa de desemprego, que em 2004 batia na casa dos 10% e fechou o ano passado em 6,8%, ainda que, com a crise, o mercado tenha perdido cerca de 800 mil postos de trabalho.

Meirelles falou também sobre a acumulação de reservas internacionais, que pouco antes da crise estavam em US$ 205 bilhões e passam agora dos US$ 241 bilhões, o controle da inflação e a diminuição da proporção entre a dívida pública e o Produto Interno Bruto (PIB), que caiu de 60% para 50% entre 2002 e 2009 e deve chegar, segundo estimativas do mercado, a 37% nos próximos quatro anos.

O fluxo de investimentos estrangeiros, que em 2009 foi de US$ 45 bilhões, também foi lembrado. Para o presidente do BC, a conjunção de todos estes fatores teve como uma de suas principais consequências o crescimento da classe média observado durante os últimos anos do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host