UOL Notícias Notícias
 

09/03/2010 - 08h25

Honduras: Frente Nacional quer convocar Assembleia Constituinte

ANSA
TEGUCIGALPA, 9 MAR (ANSA) - A Frente Nacional de Resistência Popular contra o Golpe de Estado de Honduras anunciou que pretende realizar uma consulta popular para a convocação de uma Assembleia Constituinte.

De acordo com uma nota publicada pelo movimento, a consulta ocorreria no próximo dia 28 de junho, quando completará um ano do golpe que tirou o presidente Manuel Zelaya do poder.

A Frente Nacional ressaltou que isto "representará a vontade urgente do povo para construir uma democracia verdadeira e transformar o sistema de injustiça e repressão instalado pela oligarquia".

No mesmo documento, o grupo pró-Zelaya condenou a "ingerência dos Estados Unidos nos assuntos internos do país, mantida pelo embaixador [Hugo Llorens, ndr.], que, de maneira vulgar, tenta dar cara de legitimidade ao regime de facto, através de um falso diálogo nacional que ignora o rechaço de uma população".

Zelaya foi deposto em meio a uma crise política ocasionada pela sua intenção de convocar um referendo para alterar a Constituição do país.

O mandatário foi substituído pelo presidente do Congresso, Roberto Micheletti, que permaneceu no poder até janeiro, quando o presidente eleito Porfírio Lobo assumiu o Executivo hondurenho.

A eleição de Lobo, no entanto, foi criticada por muitos países, os quais acreditam que o processo eleitoral não foi democrático. O pleito foi realizado em novembro, como estava previsto antes do golpe.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,48
    3,144
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,53
    75.604,34
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host