UOL Notícias Notícias
 

11/03/2010 - 14h49

Piñera declara estado de catástrofe na região atingida por réplicas do terremoto

ANSA
VALPARAÍSO, 11 MAR (ANSA) - O presidente chileno, Sebastián Piñera, declarou hoje estado de catástrofe na região de O'Higgins, a 90 quilômetros ao sul da capital do país, para agilizar os processos administrativos e levar ajuda rapidamente à população local.

"Vou à cidade de Rancagua [capital de O'Higgins], onde foram registrados os principais danos", continuou Piñera, que assumiu o Executivo do Chile na tarde de hoje, em uma cerimônia simples e "austera", em decorrência do abalo sísmico que atingiu o país no último dia 27 de fevereiro.

Pouco antes do início da solenidade da transmissão da faixa presidencial, novas réplicas do primeiro movimento telúrico foram registradas no país. Rancagua já é considerada a localidade mais "afetada" em consequência destes novos abalos.

Piñera, que iria viajar à tarde a Constitución, localizada na região de Maule e uma das mais devastadas pelo terremoto e tsunami de fevereiro passado, decidiu ir primeiro à O'Higgins.

De acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS, na sigla em inglês), os tremores seguintes registrados nesta região variaram de 4,9 a 6,9 graus na escala Richter. A primeira réplica teve seu epicentro nas proximidades da zona costeira.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h16

    -0,05
    3,173
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h23

    1,12
    65.403,25
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host