UOL Notícias Notícias
 

11/03/2010 - 15h42

Presidente do Uruguai diz que fará 'o possível' por relação entre Colômbia e Venezuela

ANSA
SANTIAGO DO CHILE, 11 MAR (ANSA) - O presidente do Uruguai, José Mujica, declarou hoje que fará "tudo que for possível" para melhorar as relações diplomáticas entre Colômbia e Venezuela, países que mantêm constantes conflitos.

"Falarei com [presidente da Venezuela, Hugo] Chávez e verei se, um dia, posso falar até mesmo com Deus. De minha parte, farei sempre todo o possível", indicou Mujica no Chile, onde assistiu à cerimônia de posse de Sebastián Piñera.

"Os conflitos sempre prejudicaram a região. Na América Latina, temos que tentar apaziguar os ânimos. Todos temos que contribuir com humildade para que melhorem as relações", analisou o mandatário uruguaio, que assumiu o cargo no dia 1º de março.

As declarações de Mujica foram dadas a jornalistas colombianos que estavam presentes na cidade de Valparaíso, sede do Congresso Nacional do Chile, onde Michelle Bachelet passou a presidência chilena a Piñera.

No entanto, o presidente do Uruguai preferiu não responder ao ser questionado sobre as recentes declarações do seu par da Colômbia, Álvaro Uribe, em relação a possíveis ingerências de seu país no processo eleitoral colombiano.

Congeladas desde julho de 2009, as tensionadas relações diplomáticas entre Caracas e Bogotá ganharam um novo capítulo recentemente, quando Uribe e Chávez discutiram em uma reunião regional realizada no balneário mexicano de Cancún, no último mês.

Em consequência disto, os líderes latino-americanos decidiram criar o Grupo de Amigos de Colômbia e Venezuela. A comissão, que é liderada pela República Dominicana, tem o Brasil e o México entre seus membros.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,40
    3,279
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,95
    63.257,36
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host