UOL Notícias Notícias
 

19/03/2010 - 09h11

Novo plano de segurança de Calderón aumenta o número de policiais em Ciudad Juárez

ANSA
CIDADE DO MÉXICO, 19 MAR (ANSA) - A prefeitura de Ciudad Juárez, cidade mexicana localizada na fronteira com os Estados Unidos e considerada uma das mais violentas do mundo, implantou um programa de "rotas seguras" que prevê o incremento do efetivo policial nas ruas.

De acordo com o prefeito José Reyes Ferriz, a iniciativa beneficiará as principais avenidas do município, além dos locais turísticos. Já foi elevado o número de oficiais em dez vias importantes da cidade.

O projeto faz parte da estratégia "Todos somos Juárez, Reconstruamos a cidade", criada pelo governo do presidente Felipe Calderón com o intuito de diminuir o índice de violência na região a partir de ações conjuntas da polícia municipal, estatal e federal.

No último fim de semana, três pessoas ligadas ao consulado norte-americano foram assassinatos em Ciudad Juárez, fato que gerou indignação em Calderón e no mandatário dos Estados Unidos, Barack Obama.

Acredita-se que as mortes tenham ocorrido em dois incidentes, possivelmente relacionados com a atuação dos cartéis de droga locais.

Em um mês, Calderón realizou três visitas ao município para verificar o andamento de seu plano de segurança, sendo que a última ocorreu nesta semana.

Estima-se que mais de 2.500 pessoas foram assassinadas em Ciudad Juárez em 2009. Somente neste ano, o número de mortes já passa de 400.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host