UOL Notícias Notícias
 

25/03/2010 - 11h21

Papa defende importância da família sustentada pelo matrimônio

ANSA
CIDADE DO VATICANO, 25 MAR (ANSA) - O papa Bento XVI ressaltou hoje a importância da defesa da vida e da família fundada no matrimônio, ao discursar em uma audiência com bispos escandinavos.

"Infelizmente, nos últimos anos vimos um enfraquecimento do empenho da instituição do matrimônio e da compreensão cristã da sexualidade humana que, por muito tempo, serviu como fundamento das relações pessoais e sociais na sociedade europeia", observou o Papa.

De acordo com Bento XVI, "a partir do momento em que a família é a primeira e indispensável professora da paz, a mais afável promotora da coesão social e a melhor escola das virtudes de boa cidadania, é interesse de todos, especialmente dos governos, defender e promover a estabilidade familiar".

O Pontífice também ratificou que "o direito das crianças serem concebidas e carregadas no útero, virem ao mundo e crescerem no seio do matrimônio dos pais" é "um direito fundamental" ao qual se deve "dar prioridade".

"É através da segurança e do reconhecimento das relações entre seus pais que as crianças podem descobrir a própria identidade e alcançar o desenvolvimento humano", comentou.

Segundo o Papa, isso é o que se espera de "uma sociedade com nobre tradição da defesa dos direitos humanos de todos os seus membros".

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,71
    3,168
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,12
    68.634,65
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host