UOL Notícias Notícias
 

28/04/2010 - 16h54

Cardeal admite que Vaticano precisa 'melhorar sua comunicação'

ANSA
CIDADE DO VATICANO, 28 ABR (ANSA) - O cardeal Dom Claudio Maria Celli, presidente do Conselho Pontifício para as Comunicações Sociais, admitiu a inexistência de "uma estratégia de comunicação" no Vaticano, defendendo uma aproximação entre os religiosos.

"Em várias partes se fala do fato de a Santa Sé não ter uma estratégia comunicativa" para enfrentar a crise da pedofilia e "creio que isso é verdade", afirmou Celli, referindo-se às críticas recentes após a divulgação de uma série de denúncias em diversos países.

Depois de sacerdotes e padres terem sido acusados de abusar sexualmente de crianças nos Estados Unidos, Irlanda, Alemanha, México, Chile e Brasil, entre outras nações, membros da Cúria Romana se pronunciaram, mas nem sempre mantiveram o mesmo discurso, gerando questionamentos.

Por este motivo, Celli defendeu que a Igreja "haja de forma coordenada", além de melhorar sua comunicação interna. "As dioceses não vivem isoladas, mas em um contexto mais amplo", esclareceu.

Para ele, também é necessário que se evite "o uso de linguagem e de terminologias distantes das categorias de raciocínio" da mídia. "Por vezes fazemos referências aos termos do direito canônico que as pessoas não sabem e nem conhecem", exemplificou.

O arcebispo reiterou ainda a necessidade de "oferecer com tempestividade as informações e os textos originários da nossa comunicação de uma forma simples e clara". Nesse sentido, ele advogou pela criação de "uma verdadeira e articulada estratégia de comunicação, que defenda claramente o quê queremos e que coisa queremos dizer".

"Neste ecossistema comunicativo onipresente, que cria e difunde opiniões em tempo real", no qual "a internet e as equipes da mídia conectam tudo em uma forma de comunicação, a do diálogo e do encontro mediado pela tecnologia", a Igreja "ainda tem muito a aprender", continuou Celli, afirmando que, atualmente, a postura dos integrantes do clero está "mudando".

Dom Claudio Maria Celli falou sobre a questão ao participar de um evento dedicado à área de comunicação na Pontifícia Universidade da Santa Cruz, em Roma. Iniciado na segunda-feira passada, o encontro terminou nesta quarta-feira. Além do arcebispo, também esteve presente o porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host