UOL Notícias Notícias
 

28/04/2010 - 13h38

Emboscada mata 5 pessoas e detém 4 estrangeiros no México

ANSA
CIDADE DO MÉXICO, 28 ABR (ANSA) - Uma emboscada a uma caravana internacional realizada ontem no sul do México resultou em pelo menos cinco pessoas mortas, 22 feridas e um número indeterminado de desaparecidos ou detidos.

O atentado ocorreu no estado de Oaxaca. Entre os que foram possivelmente feitos prisioneiros há um italiano, um belga, dois finlandeses e dois jornalistas mexicanos.

Uma porta-voz da Liga Mexicana pela Defesa dos Direitos Humanos disse à ANSA que os moradores da localidade de San Juan Copala, onde ocorreu o ataque, "mantêm em seu poder as pessoas e apresentam uma forte resistência".

"Tememos que se justifique a entrada do Exército", acrescentou a mesma fonte, ao relatar que os habitantes ameaçam impedir o ingresso das forças de ordem a tiros.

De acordo com Francisco López, da Aliança Mexicana pela Autodeterminação dos Povos, as identidades dos detidos são o italiano David Casinori, o belga Martín Santana e os finlandeses Viris Jacola e Meni Morne.

Já os dois jornalistas mexicanos trabalham para a revista independente Contralínea, e correspondem a Erika Ramírez e o fotógrafo David Cilia.

O diretor da publicação, Miguel Badillo, informou à ANSA que foi iniciada na manhã desta quarta-feira uma operação com cerca de 40 policiais e procuradores de Oaxaca para tentar resgatar as pessoas retidas, mas sem alcançar êxito.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,22
    3,142
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,67
    70.477,63
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host