UOL Notícias Notícias
 

06/05/2010 - 18h20

Colômbia-Eleições: Publicitário da campanha de governista deve regularizar visto no país

ANSA
BOGOTÁ, 6 MAI (ANSA) - O candidato do governista Partido Social da Unidade Nacional às eleições presidenciais colombianas, Juan Manuel Santos, afirmou hoje que o publicitário venezuelano Juan José Rendón só poderá trabalhar na campanha depois de regularizar sua situação no país.

O posicionamento de Santos ocorreu depois que o Departamento Administrativo de Segurança (DAS) divulgou que o visto de Rendón permite que ele fique na Colômbia apenas como turista.

A campanha do postulante governista, que já foi ministro da Defesa durante a presidência de Álvaro Uribe, emitiu um comunicado esclarecendo que o publicitário, no momento, está "apresentando uma proposta" e que ele retornará aos Estados Unidos antes de começar a trabalhar para fazer "os trâmites pertinentes".

Na última terça-feira, Santos defendeu a incorporação de Rendón, que foi criticado por parte de seus partidários.

Alberto Velásquez, que gerenciava as ações políticas do Partido Social da Unidade Nacional, por exemplo, renunciou ao dizer que não havia espaço para que ele e Rendón trabalhassem juntos.

Analistas políticos locais tem classificado o publicitário venezuelano como "mestre em realizar campanhas sujas".

Atualmente, Santos está na segunda colocação nas pesquisas de intenção de voto para o pleito de 30 de maio, atrás apenas do candidato do Partido Verde, Antanas Mockus.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,22
    3,148
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h22

    0,64
    65.099,56
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host