UOL Notícias Notícias
 

06/05/2010 - 20h20

México: Oposição pede ações 'firmes' contra lei do estado do Arizona

ANSA
CIDADE DO MÉXICO, 6 MAI (ANSA) - A oposição mexicana pediu hoje que a chanceler do país, Patricia Espinosa, adote uma postura firme contra a norma aprovada no estado do Arizona, nos Estados Unidos, que criminaliza os imigrantes sem documentação.

Os deputados federais do Partido da Revolução Democrática (PRD), uma das três forças principais do país, exigiram do governo uma "maior aproximação com ativistas e organizações de mexicanos no Arizona".

Os legisladores José Torres Robledo e Domingo Rodríguez consideraram que o Executivo reagiu de forma tardia e disseram que é necessário assumir "um papel mais ativo para defender os direitos dos imigrantes".

"Devem ser realizadas ações imediatas, buscar o apoio de governos de outros países e passar dos lamentos às ações", afirmou Rodríguez.

A oposição também exigiu que o governo empreenda uma "estratégia de caráter mundial" contra a regulamentação e alertou para a ausência de um plano nacional que prepare o país para o eventual retorno de 100 mil mexicanos e suas famílias, que pode ocorrer como consequência da aplicação da norma.

Promulgada no final de abril pela governadora republicana Jan Brewer, a Lei SB 1070 condena a entrada e a permanência de imigrantes sem documentos no Arizona e ainda concede à polícia o poder de deter pessoas que despertem dúvida quanto à sua origem.

Logo após o anúncio da medida, o governo do presidente mexicano, Felipe Calderón, condenou a iniciativa afirmando que esta viola os Direitos Humanos e leva à discriminação racial, além de ameaçar os direitos da própria população norte-americana.

O Senado mexicano, por sua vez, fez um chamado a Brewer e advertiu que a lei "ocasionará a perseguição e intimidação de imigrantes sem documentos".

Na última terça-feira, os membros da União das Nações Sul-Americanas (Unasul), formada por 12 países da região, também condenaram a legislação.

Estima-se que existam nos Estados Unidos ao menos 11 milhões de mexicanos ilegais, dos quais cerca de 500 mil encontram-se no Arizona.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,21
    3,129
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h35

    0,04
    76.004,15
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host