UOL Notícias Notícias
 

24/05/2010 - 09h07

A convite de Cristina, Mujica vai a Buenos Aires para comemorações de Bicentenário

ANSA
MONTEVIDÉU, 24 MAI (ANSA) - O presidente do Uruguai, José Mujica, viaja na tarde de hoje a Buenos Aires para participar das comemorações do Bicentenário da Independência argentina a convite de sua homóloga Cristina Fernández de Kirchner.

De acordo com a imprensa uruguaia, o mandatário irá assistir nesta noite à reinauguração do Teatro Colón, na capital. O ato, no entanto, não deverá contar com a presença da mandatária devido a desavenças políticas com o chefe de Governo da província, Mauricio Macri.

Durante sua estadia no país vizinho, Mujica se hospedará na casa da consulesa uruguaia Lílian Alfaro, localizada no bairro de Las Cañitas.

O presidente confirmou presença nos festejos dos 200 anos da Revolução de Maio, que culminou na independência argentina, apesar de ter recebido orientações médicas para que diminuísse o ritmo de trabalho em razão de uma crise de estresse.

A participação de Mujica nas celebrações ocorre dias antes de sua reunião com Cristina, na qual devem ser abordados temas bilaterais. O encontro está programado para ocorrer em 2 de junho, no interior do Uruguai.

Na ocasião, os dois líderes devem discutir a sentença pronunciada recentemente pela Corte Internacional de Justiça, em Haia, sobre a demanda apresentada por Buenos Aires contra Montevidéu referente à construção de uma fábrica de pasta de celulose na fronteira.

O caso gerou uma disputa diplomática entre as duas nações, já que argentinos acusam a indústria de poluir a região próxima ao Rio Uruguai. O tribunal refutou a suspeita, mas admitiu que a instalação da empresa violou um tratado bilateral.

A relação entre ambos países ficou abalada devido ao processo judicial. No entanto, desde que tomou posse, em 1º de março, Mujica afirmou estar disposto a uma aproximação.

Além disso, durante o encontro o presidente uruguaio deverá apresentar uma reclamação formal contra o fato da Argentina ter proibido que navios do país atraquem em portos de Montevidéu ao levar mercadorias para o Brasil.

As comemorações do Bicentenário da Independência argentina foram iniciadas na última sexta-feira e serão encerradas amanhã. Ontem, um desfile de representantes de províncias e de países latino-americanos reuniu milhares de pessoas.

Amanhã, dia da Revolução de Maio, Cristina oferecerá um jantar a vários colegas sul-americanos. Até o momento confirmaram presença os presidentes do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva; da Bolívia, Evo Morales; do Chile, Sebastián Piñera; do Equador, Rafael Correa; do Paraguai, Fernando Lugo; e da Venezuela, Hugo Chávez, além de Mujica.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    1,02
    3,178
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,90
    67.976,80
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host