UOL Notícias Notícias
 

25/05/2010 - 14h29

Papa envia cumprimentos a argentinos por Bicentenário da Independência

ANSA
BUENOS AIRES, 25 MAI (ANSA) - O papa Bento XVI, por meio de seu enviado Adriano Bernardini, expressou hoje "vivamente" o seu "afeto e proximidade espiritual a todos os argentinos", em ocasião do Bicentenário da Independência dessa nação.

"Quero fazer chegar à vossa excelência minhas felicitações mais cordiais em ocasião da festa nacional, expressando meu afeto e proximidade espiritual a todos os argentinos", diz o Papa em sua mensagem, lida na Basílica de Luján, na tradicional solenidade do Te Deum, que contou com a presença da mandatária Cristina Kirchner.

Por sua vez, o arcebispo Augustín Radrizzani, que liderou a celebração, afirmou que "o Bicentenário é um desafio inevitável para a nação" e enfatizou que "esta é uma ocasião propícia para fortalecer nossa integração com os países da América Latina".

"Nesta ocasião e diante da globalização mundial, devemos fortalecer nossa integração com os povos irmãos e recordar a Pátria Grande, como sonharam [José de] San Martín e [Simón] Bolívar", complementou, em referência aos dois libertadores.

Já o rabino Daniel Goldman convidou a população a "continuar exercitando a memória de nossa pátria para que as gerações que estão por vir possam dizer com orgulho: ao grande povo argentino shalom".

Após a solenidade, Cristina e seu gabinete, acompanhados por Radrizzani, saíram da igreja ovacionados pela multidão de cidadãos que celebra hoje os 200 anos da Revolução de Maio, que deu início ao processo de independência do país latino-americano.

Mais cedo, o cardeal Jorge Bergoglio também realizou um ato similar na Catedral Metropolitana de Buenos Aires, promovido pelos opositores do país. Entre os presentes destacavam-se o chefe de Governo da capital, Mauricio Macri, e os deputados Federico Pinedo e Francisco De Narváez, este último derrotou o ex-presidente Néstor Kirchner nas eleições legislativas, referente à província de Buenos Aires, em junho de 2009.

Ainda hoje ocorrem outros festejos. Às 17h [mesmo horário de Brasília], Cristina receberá o cumprimento de seus pares estrangeiros. Depois, irá inaugurar uma mostra denominada "Galeria dos Patriotas Latino-Americanos do Bicentenário", onde fará um discurso em rede nacional. Mais tarde, ela oferece um jantar a cerca de 200 convidados.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host