UOL Notícias Notícias
 

27/05/2010 - 19h10

Bolívia prepara resposta a José Serra

ANSA
LA PAZ, 27 MAI (ANSA) - A Chancelaria boliviana está preparando uma resposta ao pré-candidato à Presidência da República pelo PSDB, José Serra, que acusou o governo de Evo Morales de cumplicidade com o tráfico de drogas.

O ministro do Interior boliviano, Sacha Llorenti, responsável pelo controle de drogas e de entorpecentes do país, anunciou que a Chancelaria irá se pronunciar sobre o tema.

Já o vice-ministro do Interior, Gustavo Torrico, apontou que se tratam de declarações que "não merecem comentário". "O senhor Serra queria ganhar a simpatia dos Estados Unidos e, então, acusa todos de serem narcotraficantes", considerou.

Ontem, no Rio de Janeiro, Serra afirmou, em entrevista à imprensa local, que o governo boliviano é "cúmplice" do narcotráfico no Brasil.

"A cocaína vem de 80% a 90% da Bolívia, que é um governo amigo, não é? Você acha que a Bolívia iria exportar 90% da cocaína consumida no Brasil sem que o governo de lá fosse cúmplice? Impossível. O governo boliviano é cúmplice disso", declarou.

Tal afirmação já foi criticada por membros do governo de Luiz Inácio Lula da Silva. "Serra está tentando ser o Exterminador do Futuro da política externa", disse o assessor da Presidência para Assuntos Internacionais, Marco Aurélio Garcia.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,71
    3,168
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,12
    68.634,65
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host