UOL Notícias Notícias
 

27/05/2010 - 11h08

Papa acusa 'crise espiritual' e pede colaboração de empresários

ANSA
CIDADE DO VATICANO, 27 MAI (ANSA) - O papa Bento XVI dirigiu um apelo às autoridades e aos empresários para que façam todo o possível para ajudar a superar os efeitos do desemprego e acusou a existência de uma "crise cultural e espiritual".

Falando a bispos durante a 61ª Assembleia Geral da Conferência Episcopal Italiana (CEI), o Pontífice ressaltou que a crise citada por ele é ainda mais séria que a econômica, ao se referir ao país europeu.

"Também na Itália a presente época é marcada por uma incerteza sobre os valores, evidente no cansaço de tantos adultos a manter a fé nos compromissos assumidos", explicou o líder máximo da Igreja Católica.

"Por essa razão, enquanto renovo o apelo aos responsáveis pelos assuntos públicos e aos empreendedores a fazerem o que estiver em suas possibilidades para amortecer os efeitos da crise de desemprego, exorto todos a refletir sobre pressupostos de uma vida boa e significativa", afirmou.

Para Bento XVI, a Igreja busca o bem comum, que se empenha em dividir recursos econômicos e intelectuais, morais e espirituais, aprendendo a enfrentar juntos e com reciprocidade os problemas e desafios do país.

O Papa relembrou a 46° Semana social dos católicos italianos, prevista para ocorrer em outubro na província de Reggio Calábria, "onde, junto aos melhores esforços do laicato católico, vocês [bispos] se comprometerão a declinar uma agenda de esperança para a Itália".

"O seu ministério, queridos irmãos, e a vivacidade das comunidades diocesanas comandadas por vocês, são a melhor asseguração de que a Igreja continuará responsavelmente a oferecer sua contribuição para o crescimento social e moral da Itália", apontou o chefe de Estado do Vaticano.

Ainda durante a assembleia, o Pontífice pediu aos bispos que despertem "nas nossas comunidades aquela paixão educativa que não se resolve com didática, técnicas ou transmissão de princípios áridos".

"Educar é formar as novas gerações para que saibam entrar em contato com o mundo, fortes de uma memória significativa, de um patrimônio interior dividido, da verdadeira sabedoria que, enquanto reconhece o fim transcendente da vida, orienta o pensamento, os efeitos e o julgamento", afirmou.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    1,02
    3,178
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,90
    67.976,80
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host