UOL Notícias Notícias
 

31/05/2010 - 15h48

Colômbia-Eleições: Mockus admite que pesquisas de intenção de voto o 'iludiram'

ANSA
BOGOTÁ, 31 MAI (ANSA) - O candidato opositor à presidência da Colômbia, Antanas Mockus, do Partido Verde (PV), disse hoje que as pesquisas de intenção de voto o "iludiram", ao comentar o resultado do primeiro turno das votações, realizado ontem.

"Nos iludiram, e a crua realidade dos votos efetivos é o que conta", revelou Mockus, referindo-se aos 21,49% dos votos que obteve no pleito, com 99,71% das urnas apuradas, contra 46,56% angariados pelo seu principal adversário, o ex-ministro da Defesa e candidato governista, Juan Manuel Santos.

O resultado mostrou um cenário diferente do indicado pelas pesquisas de intenção de voto, que previam um possível empate técnico entre Santos e Mockus. Em terceiro lugar, com 10% das preferências, ficou o candidato da legenda Mudança Radical, Germán Vargas Lleras.

Também nesta segunda-feira, Mockus comentou que irá alterar sua campanha para poder competir com Santos no segundo turno, marcado para 20 de junho. "Nós temos três semanas para imaginar alternativas, para propor alternativas aos cidadãos, para convocar os cidadãos", planejou.

O candidato do PV disse que, "ainda que não seja fácil, há a possibilidade" de vencer. "Logicamente é possível, não é provável, mas é possível", ressaltou.

Mockus justificou seu desempenho nas urnas alegando que seu adversário espalhou "tremor" para prejudicá-lo e que os moradores das zonas rurais receberam "melhor" a "proposta" do candidato respaldado pelo presidente Álvaro Uribe.

O presidenciável também negou a possibilidade de desistir do segundo turno, como sugeriram congressistas e dirigentes do partido governista, e repudiou o chamado de Santos pela "unidade nacional", dizendo que, se perder o pleito, se vê "melhor exercendo a oposição".

O chamado de Santos foi feito nesta segunda-feira, após a contagem dos votos indicar sua vitória. "Sem distinção alguma de partido ou personalismos, convido os cidadãos de todos os partidos e os independentes que se unam à nossa proposta de trabalho, nossa proposta de educação e segurança", disse o ex-ministro da Defesa na ocasião.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    09h49

    0,12
    3,161
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h28

    -1,26
    74.443,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host