Copa 2010: PIB do Brasil pode registrar perdas de até US$ 1,2 bilhão

SANTIAGO DO CHILE, 12 JUN (ANSA) - A Copa do Mundo de 2010 resultará em perdas de até US$ 1,2 bilhão ao Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro, segundo um estudo do International Institute for Management Development (IMD), sediado na Suíça.

Conforme reportou hoje a imprensa chilena, o relatório elaborado pelo especialista Willem Smit informa que o impacto será provocado por uma menor produtividade.

O prejuízo será provocado pelo fato de que durante a competição haverá um maior número de ausências nos ambientes de trabalho, e os funcionários que comparecerem às empresas terão sua atenção dispersa.

Além do Brasil, outros países que disputam o Mundial de futebol também serão afetados, com uma perda global de US$ 10,4 bilhões se considerados somente os jogos da primeira fase da competição.

O ranking é encabeçado por México (US$ 1,7 bilhão), Alemanha (US$ 1,6 bilhão) e Inglaterra (US$ 1,3 bilhão), com o Brasil em quarto lugar. Segundo Smit, as estimativas são "conservadoras".

O estudo calcula que se a seleção do Chile, dirigida pelo técnico Marcelo Bielsa, disputar somente as partidas da etapa inicial da Copa, os trabalhadores locais poderiam perder 4,5 horas diárias em sua jornada. No total, o país deixaria de ganhar US$ 268 milhões.

Outras nações que disputam a Copa do Mundo, como Austrália, Grécia e Japão, não registrarão prejuízos, aponta o relatório.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos