Copa 2010: Vitória chilena silencia festas nas ruas de Honduras

TEGUCIGALPA, 16 JUN (ANSA) - A vitória do Chile por 1 a 0 contra a seleção de Honduras silenciou a festa que vinha sendo realizada em vários pontos do país caribenho desde a noite de terça-feira.

Muitos hondurenhos nem mesmo dormiram de ontem para hoje, já que a partida foi realizada às 5h30 locais (8h30 no horário de Brasília). No entanto, as comemorações foram ofuscadas com gol de Jean Beasejour, aos 34 minutos do primeiro tempo.

Os funcionários públicos e boa parte dos empregados do setor privado só começaram a trabalhar nesta quarta-feira duas horas após o término da partida.

O presidente de Federação de Futebol de Honduras, Leonardo Callejas, admitiu que o resultado "não era o que desejávamos, mas devemos ficar orgulhosos dos jogadores pela presença no Mundial".

A seleção hondurenha participa de uma Copa do Mundo pela segunda vez em sua história. A estreia do país nessa competição ocorreu em 1982, quando conseguiu um empate contra os então anfitriões espanhois.

Com a derrota de hoje, Honduras não somou ponto e está na última posição do Grupo H da Copa do Mundo de 2010, ao lado da Espanha, que também perdeu por 1 a 0, para a Suíça.

Na segunda rodada, na próxima segunda-feira, Chile e Suíça disputarão a liderança do grupo, enquanto Honduras e Espanha se enfrentarão em busca dos primeiros pontos na competição.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos