UOL Notícias Notícias
 
02/07/2010 - 10h53 / Atualizada 02/07/2010 - 12h15

Ingrid Betancourt volta à Colômbia para aniversário de sua libertação

ANSA
BOGOTÁ, 2 JUL (ANSA) - A ex-candidata presidencial colombiana Ingrid Betancourt, que permaneceu durante seis anos refém das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia, chegou hoje a Bogotá para assistir à celebração do segundo aniversário de sua libertação.

Bentacourt se declarou "muito emocionada" por estar novamente na capital, que deixou poucos dias depois de ser solta a fim de iniciar um giro internacional e se dedicar à redação de suas memórias.

A operação Jaque, realizada em 2 de julho de 2008, resultou na libertação de outros 14 sequestrados, entre eles três norte-americanos. De acordo com a versão oficial, os militares responsáveis pela ação enganaram os guerrilheiros, que acreditaram estar entregando os cativos a um suposto grupo humanitário.

"É uma bela oportunidade para recordar eventos bonitos", assegurou a ex-candidata à rádio Caracol sobre o aniversário, o qual definiu como "uma festa".

Betancourt explicou que se encontrou nos Estados Unidos com a equipe de militares que executou a operação Jaque. "Eles são família. Não há distância nem protocolo. Estamos irmanados pelas circunstâncias que vivemos", apontou ela.

"Todavia, não terminou", acrescentou, referindo-se ao dano emocional decorrente dos anos em cativeiro na selva do sul da Colômbia -- durante os quais permaneceu muitas vezes, segundo seus relatos, acorrentada e sob condições desumanas.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host