UOL Notícias Notícias
 
11/07/2010 - 13h45 / Atualizada 11/07/2010 - 14h44

Colômbia anuncia morte de 12 guerrilheiros das Farc

ANSA
BOGOTÁ, 11 JUL (ANSA) - Os militares colombianos comunicaram hoje que 12 guerrilheiros morreram durante a madrugada em decorrência de um ataque aéreo a um acampamento das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

Segundo informações oficiais, oito homens e quatro mulheres foram assassinados no assalto -- realizado no departamento (estado) de Tolima, no centro do país, em um ponto montanhoso localizado 2.500 metros acima do nível do mar.

A região, conhecida como Cañón de las Hermosas, é um extenso corredor nos Andes onde especula-se que esteja refugiado há um bom tempo o chefe máximo da guerrilha, Alfonso Cano, nome de guerra de Guillermo León Sáenz Vargas.

As Forças Armadas do governo de Álvaro Uribe garantiram que uma das mulheres mortas na ação é Magaly Grannobles, que usa o codinome de Marleny Rondon, líder de um dos esquadrões de segurança da escolta de Cano.

A emissora Telesur reportou nesta semana o assassinato do chefe das Farc depois de um bombardeio similar ao desta madrugada, na mesma zona. Os militares colombianos, no entanto, negaram qualquer informação sobre o caso.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,59
    3,276
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -1,54
    61.673,49
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host