UOL Notícias Notícias
 
20/07/2010 - 17h30

Com aprovação argentina, uruguaios promovem lei que permite casamento gay

ANSA
MONTEVIDÉU, 20 JUL (ANSA) - O grupo Ovelhas Negras, que reúne homossexuais e transexuais no Uruguai, reiterou hoje a necessidade do país de contar com uma lei que formalize o casamento entre pessoas do mesmo sexo, a exemplo da norma aprovada pelo Congresso argentino.

Segundo a organização, a legislação daria "um marco muito mais direto e realista" aos processos de adoção, já que iria eliminar o tempo mínimo de cinco anos de convivência para o casal oficializar laços de paternidade, como estabelece a medida atual.

Para Daniel Alonso, integrante da entidade, adotar "é algo muito mais simples, menos custoso, mais direto e não exige uma convivência de cinco anos apresentando testemunhas a escrivães e advogados".

Ao menos 15 crianças foram adotadas por homossexuais desde o ano passado, quando o país aprovou uma norma relacionada à união e fez modificações na lei de adoção. Porém, segundo Alonso, há "muito mais casos" que não chegam ao conhecimento da instituição.

Integrantes da bancada parlamentar da coalizão Frente Ampla (FA, governista) disseram que estão dispostos a promover um projeto similar ao aprovado pelo Senado argentino na semana passada, que permite o casamento sem fazer distinção de orientação sexual dos contraentes e deverá ser sancionado amanhã pela presidente Cristina Kirchner.

Setores da oposição política uruguaia e da Igreja Católica já rechaçaram a possibilidade de adoção por casais gays porque entendem que as crianças precisam de uma figura materna e paterna seguindo o modelo convencional.

No Peru, organizações homossexuais pretendem estabelecer uma legislação similar e anunciaram que irão buscar alianças com os possíveis candidatos às eleições presidenciais de 2011 visando promover a união entre pessoas do mesmo sexo no país.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host