UOL Notícias Notícias
 
07/08/2010 - 19h00

Santos diz que atuará com força contra o narcotráfico e o crime organizado

ANSA
BOGOTÁ, 7 AGO (ANSA) - O presidente colombiano, Juan Manuel Santos, que assumiu o Executivo do país na tarde de hoje, em seu primeiro discurso como chefe de Governo, prometeu atuar fortemente contra as organizações criminosas e contra o narcotráfico.

"Os fenômenos do narcotráfico, o terrorismo e a violência fizeram que as melhores terras terminassem nas mãos dos agentes da violência, vamos acelerar os mecanismos de cessão de domínio", declarou ele.

Entre outras propostas, o presidente defendeu uma democracia com "uma imprensa livre" e uma oposição "séria", e pediu ainda unidade aos empresários, aos cidadãos e aos políticos e autoridades nacionais.

Santos, jornalista e economista, além de político, atuou como ministro da Defesa durante a administração de Álvaro Uribe, que encerrou hoje sua administração.

Considerado um dos membros mais importantes do gabinete de Uribe, o novo mandatário é considerado um dos responsáveis pela fragilização da guerrilha Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

Entre as operações comandadas por ele está o ataque realizado em 2008 contra um acampamento guerrilheiro no Equador, o que ocasionou o fim dos laços diplomáticos entre as duas nações.

Ao iniciar seu pronunciamento, Santos prometeu também promover uma "Colômbia pacífica" e "harmoniosa" a todos os colombianos.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    10h39

    0,13
    3,270
    Outras moedas
  • Bovespa

    10h47

    -0,72
    63.621,97
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host