UOL Notícias Notícias
 
10/08/2010 - 14h55

Oposição quer investigação sobre desabamento de prédio em Buenos Aires

ANSA
BUENOS AIRES, 10 AGO (ANSA) - A oposição em Buenos Aires apresentou hoje um pedido por informações ao chefe de Governo da capital argentina, Mauricio Macri, sobre o desabamento que deixou um morto em uma academia na última segunda-feira.

"Segundo disseram os vizinhos, antes do sinistro, havia sido efetuadas denúncias sobre possíveis desabamentos", explicou o líder da bancada peronista na Câmara Legislativa local, Juan Cabandié, citado pela agência Télam.

O parlamentar esclareceu que seu objetivo é saber se foram feitos os trâmites de permissão e/ou o aviso para a construção, além das inspeções devidas, que deveriam ser realizadas periodicamente.

As equipes de resgate continuam os trabalhos para localizar pessoas que continuam desaparecidas. Segundo a assessoria de imprensa do Corpo de Bombeiros, a vítima fatal seria Guillermo Ramón Fede, de 37 anos.

"Continuaremos buscando até remover o último ladrilho", informou um assessor. De acordo com fontes policiais, as duas vítimas que ainda estariam sob os escombros seriam Luis Lu, um jovem de 23 anos, e Maximiliano Salgado, que teria 18 anos.

O acidente foi registrado na tarde de ontem. Além da vítima fatal e dos desaparecidos, 11 pessoas ficaram feridas, a maioria conseguiu ser resgatada por auxílio do celular, por meio do qual conseguiram informar seu paradeiro aos bombeiros.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,38
    3,156
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h22

    0,41
    65.277,38
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host